Bom dia a todos.
Quero nesta manhã, contar como foi o dia 20/08/2010 para mim.
Cheguei do hospital as 8:00h aproximadamente. Recebi uma visita em casa e não dormi naquela manhã, mesmo tendo passado a noite no hospital(noite do dia 19/08/2010). Saí de casa as 09:30h para resolver os preparativos da festa que ocorreria em nossa igreja nos dias 21,22,23 e 24/08/2010, já agendada desde Fevereiro de 2010. Voltei para casa por volta do meio dia. Almoçei e disse a minha esposa: Vamos ao supermercado, pois temos que comprar o material do café da manhã dos irmão qua chegariam no sábado dia 21/08/2010, e você se destrai um pouco. Pois desde que cheguei do hoospital pela manhã, minha esposa(samira) estava chorando e dizendo: Deus vem buscar a Rebeca. E eu dizia: calma filha, Ele não vem agora, pois ainda não me disse nada. E ela retrucava: Vem, pois sonhei com a Rebeca bem vestida, com um penteado lindo, sorrindo pra mim ao subir uma longa escada e dando tchaul. Nesse momento a Samira não se controlava e chorava caída ao chão. Meu Deus que situação terrível.
Então para tentar consolá-la, convidei-a pra saírmos e ela aceitou. depois de almoçar-mos, disse pra ela: toma um bom banho, troca de roupa e vamos às compras. Nesse íntere, deitei-me em uma rede por cinco minutos, ainda a palitar os dentes depois do almoço, e não sei se dormí, pois foi muito rápido. Eu tive uma visão: Ví a sala onde a Rebeca estava e via que a Rebeca se movimentava. Ví que ela levantava a sua mão esquerda e pegava a mão direita sobre seu umbigo. Depois ví a cabeça dela reclinando para a esquerda e ví em seus cabelos uma linda fivela branca com formato de borboleta, derrepente uma luz muito forte e resplandecente surgia dentro do quarto do lado que ela tinha reclinado a cabeça.(isto foi a visão) pulei da rede rapidamente e disse: Samira Deus vai visitar a Rebeca pois tive uma visão agora, com ela se movimentando e uma luz muito forta entrando na sala onde ela estava. Imediatamente peguei meu telefone e liguei pra pessoa que havia me subistituído no hospital e ficava com ela e disse: dona Elza a Rebeca se movimentou aí?(não). Ela não levantou a mão esquerda? nem reclinou a cabeça?(não). Não apareceu aí uma luz muito forte no quarto?(não). Então eu disse pois se prepare que Deus vai visitar a Rebeca, pois eu tivi uma visão que ela se movimentava e uma luz muito forte entrava na sala do lado esquerdo dela. Desliguei o telefone e fui às compras, já eram 13:15h.
As 14:00h recebi uma ligação da dona Elza dizendo: João vem pro hospital agora pois os remédios não estão mais fazendo efeito na Rebeca, desligou. Eu já estava no supermercado e o carrinho estava cheio de compras, deixei tudo e corri com a minha esposa para o hospital. Que momento difícil, pois não sabíamos o que realmente estava acontecendo. A Samira começou a chorar dentro do carro, e eu dizia: calma Deus está no controle. Chegamos no hospital já eram 14:00h.
Ao entrar na UTI percebemos uma grande movimentação de pessoas(médicos e enfermeiros) e a equipe de psicólogas já estavam alí nos aguardando. Meu Deus! quanta agonia!. Minha esposa caíu em prantos, e eu continuei caminhando pra sala onde estavam com a Rebeca. Ao chegar na porta uma psicóloga falou assim: Por favor espere alí fora, não entre. Eu disse a ela:moça quem está mais calmo aqui sou eu, estou mais calmo que os médicos que estão no procedimento. neste momento os batimentos cardíacos da Rebeca já estavam diminuindo consideravelmente e os médicos e enfermeiros estavam tentando reanimá-la. Então passei pela porta me aproximei e ví uma sena que nunca vai sair da minha memória. Ví os olhos da Rebeca lacrimejando e parecia olhar para mim. Ai meu Deus! como doeu aquele momento. Porém mais uma vez Deus em Cristo me deu do seu Espírito e eu consegui fazer uma das orações mais rápidas e difíceis de minha vida.
DIANTE DAQUELA SITUAÇÃO NÃO CONSEGUI FAZER OUTRA COISA. OLHEI PARA MINHA FILHA, LEVANTEI MEUS BRAÇOS AOS CÉUS(com um olhar espiritual, não a este céu firmamento azul que vemos, e sim ao trono de Deus) E DISSE EM ALTO E BOM TOM: DEUS MUITO OBRIGADO. POR NOVE ANOS E QUATRO MESES EU FUI MUITO FELIZ COM MINHA FILHA QUE TU ME DESTE, AGORA SENHOR, TÁ NAS TUAS MÃOS SE QUISER CURAR? CURE. SE QUISER LEVAR? LEVE. A HORA É AGORA.
Baixei minhas mão, fiquei olhando para aquela situação e ví o monitor começar a acusar a diminuição instântanea dos batimentos cardíacos da Rebeca. Esperei, e a doutora virou-se para mim com tom de lamento e maneando a cabeça e disse: o senhor já sabia. Eu novmente tomado por Deus, consegui dizer em alto e bom tom dentro daquela sala para todos ouvirem: GLÓRIA A DEUS E ALELUIA! DEUS NÃO CUROU A MINHA FILHA, MAS CONTINUA SENDO DEUS. OH GLÓRIA! continuei: DEUS GUARDOU A REBECA E EU SEI PARA ONDE ELA FOI, E SEI QUE MEU JESUS VEM ME BUSCAR PARA IR MORAR LÁ TAMBÉM, E QUEM QUISER IR MORAR NO CÉU, ACEITE A JESUS COMO SENHOR E SALVADOR DAS VOSSAS VIDAS.
Quando me virei, a Samira estava lá fora aos prantos, e eu naquele momento estava anestesiado pelo Espírito de Deus e não me detive a situação e não sei explicar mas não chorei naquele momento. Mesmo passando por tudo isso, o Senhor cumpriu o salmo 46, " socorro bem presente na Angústia".
Agora vinha uma outra parte muito difícil, além de tentar acalmar a Samira, dar a notícia para o restante da família, principalmente a Karol, minha filha mais velha. A Samira, Graças a Deus, se recompôs em vinte minutos e me ajudou a dar a notícia as outras pessoas, ela mesmo ligava e anunciava o ocorrido com muita segurança.
Foi terrível aquele dia, porém, Deus nos alertara de tudo. Sem saber e na ancia de ter a Rebeca de volta curada e sem nenhuma sequêla, eu sempre acreditei que Cristo podia curá-la, como Ele pode curar quelquer enfermidade se tivermos FÉ. Deus, porém, conhece todas as coisas, e na sua oniciência preferiu guardar a Rebeca. Isto não quer dizer que Deus não cura. Nunca pensem assim, pois não compreendemos os planos de Deus, porque somos limitados ao momento e não conhecemos o porvir. Mas todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus.
Eu não sabia, mas na noite anterior orei e disse: esta é a ultima noite que eu passo no hospital com minha filha sentindo dores. Pois achava que ela seria curada. Narrei pra ela toda a situação da cidade santa e AUTORIZEI QUE ELA FOSSE COM JESUS PARA ONDE ELE QUISESSE IR. Tive esta visão que contei acima, mas sempre tentando interpretar como uma cura. Mas Deus estava nos dizendo em meio a tudo isto, que queria a Rebeca guardada com Ele.
E tem algo que eu creio e defendo com todas as minhas forças, que Jesus ama muito mais a Rebeca do que eu a amo como pai e samira a ama como mãe. Não se explica algo assim, só saberemos quando Ele nos quiser revelar, ou quando chegarmos lá(na cidade santa) onde realmente saberemos das coisas ocultas.
Voltarei logo contado como noticiei a Karol e como foi o dia 21/08/2010.
TODA HONRA E TODA GLORIA, SEJA DADA A JESUS CRISTO QUE É DÍGNO! UM DIA TODO JOELHO SE DOBRARÁ E TODA A LÍGUA CONFESSARÁ QUE ELE É SENHOR. PARA GLÓRIA DE DEUS PAI.
um forte abraço.
estou saindo um pouco apressado, depois faremos a correçao ortográfica.
João Batista Coelho Freire
pai da Rebeca da Silva Coelho

date terça-feira, 7 de setembro de 2010

10 comentários to “ ”

  1. Flavia
    7 de setembro de 2010 15:26
    Este comentário foi removido pelo autor.
  1. Flavia
    7 de setembro de 2010 15:27

    João,

    passei por algo semelhante com a minha mãe em 2006... ela faleceu aproximadamente 40 minutos depois de pedirmos à Deus que fizesse o melhor para ela e não para nós.
    Hoje sei que a morte (ser levado por Deus) também é uma forma de cura... é a cura eterna. A Rebeca está curada agora!!!
    Que Deus console o seu coração e de sua família.
    Flavia.

  1. je_alvesmota
    7 de setembro de 2010 19:58

    Louvado seja Deus que sabe o que é melhor para seus filhos.

  1. Renata Menezes
    7 de setembro de 2010 20:47

    Sempre acompanhei esse blog, pois faço parte da comunidade da Luta contra o Câncer no orkut. Eu mesma estou enfrentando essa doença e digo de todo coração: quisera eu ter metade da fé que esses pais têm. Sou cristã, rezo todos os dias, peço a Deus, mas não sou mãe, não imagino como é a dor de perder um filho, e mesmo assim esses pais não se abalam na sua fé, pelo contrário, repassam a palavra e experiência para que todos conheçam e se transformem.
    Estas palavras reforçam a minha fé, me transformam a cada vez que entro aqui. A história da Rebeca é a maior demonstração de fé que já pude presenciar. Ela é um anjo, nosso anjo, que tocou nossos corações e, mesmo sem conhecê-la, nos transformou.
    Obrigada Rebequinha, por me tocar tão profundamente o coração.

  1. ♥Sayra Tavares
    8 de setembro de 2010 08:23

    saudades dessa pequena princesinha....bj grande pra toda familia!! ♥

  1. Grasiane
    8 de setembro de 2010 16:49

    oi, to aqui lendo a historia de rebeca tem mais ou menos uns 3 dias!!e to aqui p falar a vc pai, q vc é um grande herói um grande pai e um grande homem de Deus tbm, ler um testemunho desse edifica qualquer fé, vc em meio a luta e a perda jamais pelo q eu li aqui vc murmurou c Deus, aceitou tudo oq Deus fez, e ainda sem receio algum continua buscando a Deus!!!!creio q Deus jamais vai desamparar vc e sua familia, ele sempre quer o melhor p nós, mesmo q o melhor não seje oq queremos!!!!vcs são verdadeiros heróis!!!admiro mto vcs mesmo não conhecendo nenhum d vcs!!!e continue mesmo com esse blog, mto bom , creio q atraves d tudo q vc esta escrevendo aqui ,vidas estão se renovando e se fortalecendo!!!!grande abraço a todos vcs


    vcs são vidas mto valorosas

  1. Vanda
    9 de setembro de 2010 08:53

    João Batista te dou os parabéns pelo grande Pai que és,fico sem palavras para te dizer o quanto esta sendo importante pra mim e minha filha o grande amor de Pai que demonstrou em todo este período de tantas turbulência, mas sempre crendo em DEUS nosso Pai e te admiro e peço a a DEUS que continue com o BLOG da minha menina pequena, dando exemplo as pessoas de como um ser humano deve se comportar diante de uma situação como esta.A Karol e a Rebeca tem muita sorte de ter um PAI exemplo em suas vidas.E com certeza nossa menina pequena sem querer e imaginar fez em nossas vidas O MILAGRE DE REBECA.

  1. Igreja De Cristo na Várzea
    10 de setembro de 2010 00:17

    Que o Senhor continue abençoando a família e trazendo consolo aos corações.

    Muitas vidas estão sendo renovadas com esse testemunho de fé, obediência e amor ao nosso Pai.

  1. Marlene
    10 de setembro de 2010 23:54

    Graça e Paz Irmão!
    Cada vez que visito o blog da Rebequinha me emociono muito e saio mais fortalecida com os seus ensinamentos. Ler todo o seu relato é uma grande lição de vida. Admiro muito sua fé em Deus.
    Que o Senhor Jesus esteja sempre com vc e seus familiares!
    Força Sempre!

  1. Rebeca Coimbra
    12 de setembro de 2010 14:51

    Olá acabo de ler este post relembrando cada momento que tive no dia que meu filho kauã se despediu de mim..tb não sei como pude ter tanta força, calma e controle..
    Que Deus conforte teu coração e o de Samira..
    Nossos filhos com certeza estão em um lugar muito bonito, sem dores e sem sofrimento...logo estaremos com eles..
    Abraços

Leave a Reply:

Tecnologia do Blogger.